quarta-feira, outubro 20, 2010

Piada de português

Esta piada foi enviada pelo Saulo Araújo (Rato) da turma dos "menudos" do Enfrades - Ex-seminaristas franciscanos.

O português foi mandado embora do emprego. Juntou a indenização, 13º salário, férias e comprou um Opalão 72. (para quem não se lembra: Opala é a marca de um antigo carro da General Motors)

      Reuniu a família (a mulher, dois filhos, a sogra, a empregada, a cunhada e o namorado) e desceu para a praia de Santos.

      No meio do caminho, um guarda deu sinal para parar:

      - O senhor terá que descer pela Imigrantes, pois esta estrada está interditada.

      - Seu guarda, não sabe o alívio que o senhor me deu... Pensei que o senhor tivesse me parado para dar uma multa. Sabes, comprei este carro ontem num ferro velho, não tive tempo de ver a documentação do veículo...

      O botijão de gás estava batendo muito lá atrás, por isso tive de amarrá-lo com os cintos de segurança, depois quis calçá-lo com o extintor, que eu até procurei mas não o achei... Ainda por cima, podes ver que o carro é para cinco pessoas, mas minha sogra insistiu em trazer a moça com o rapaz e estamos com
excesso de passageiros...

      O guarda, puto da vida, diz:

      - O senhor sabia que eu posso tirar a sua carteira de motorista?

      - Que bom seu guarda, eu estou tentando tirá-la faz um tempão e não consigo, se o senhor puder fazer este favor....

      A Maria vendo a besteira feita, foi em defesa do marido:

      - Seu guarda, não liga não. O Manoel, meu marido,  quando bebe só fala besteira!!!


Para contemporizar esta besteira do Manoel, ouça esta oração das Completas em canto gregoriano  cantada pelos monges do Mosteiro de Norcia, na Itália

Nenhum comentário:

Postar um comentário