quinta-feira, março 27, 2008

Canto Gregoriano

Leia abaixo a nota divulgada pelo jornal Estado de Minas, de Belo Horizonte, no caderno Cultura, desta quinta-feira, 27 de março de 2008, na coluna HIT, do jornalista Helvécio Carlos

Gregoriano pop

Os integrantes do Coral Gregoriano de Belo Horizonte, fundado pelo ex-padre Nereu de Castro Teixeira, não estão resistindo aos apelos do mundo pop. Depois do registro de seu repertório no CD Rorate, eles passaram a ser assediados para eventos cujos convites costumavam rejeitar. Em 5 de abril, vão embalar o casamento de Daniele e Derlani, na Igreja de São Vicente de Paulo. “Trata-se de música mais de oração, não pomposa”, costuma explicar o coordenador Altair de Almeida Costa, o Tachinha, de 60 anos, ao receber convites para se apresentar em casórios. Ex-seminarista, ele conta que os encontros semanais dos cantores, às quintas-feiras, no Restaurante Rococó, estão bombando.

P.S.: O tal encontro semanal é da turma do Enfrades - ex-seminaristas franciscanos e não dos cantores do coral. O Rococó é o da Av. Getúlio Vargas esquina de Rua Paraíba, na Savassi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário