sexta-feira, dezembro 08, 2006

Artigo do Rosário:

Paz plena... Paz plena... Paz plena...
Luciano, Chaves, Ricardo e companheiros de evolução.
Eis o maior engima para os seres humanos e apra os espíritos livres da máteria bruta: Quem é Deus ou o que é Deus?
Para mim, cada ser humano cria para si uma imagem sobre Deus ou então cria pra si um Deu à sua imagem e semelhança (vejam que eu inverto a frase do Gênseis: "Deus disse: "Façamos o homem à nossa imagem, como nossa semelhança..."" (Gn 126)).
O Antigo Testamento nos apresenta um Deus tirânico, guerreiro, ciumento e cheio das mazelas dos seres humanos. Jesus já nos apresenta um Deus-Pai, que quer o bem de todos os filhos, que foram, são e serão criados.
Para mim, o "AMOR" não é DEUS, mas um dos atributos perfeitos de DEUS, pois DEUS é soberanamente justo e BOM (pergunta do Livros dos Espíritos nº 13).
Chamar Deus de inteligência, como fez o J. J. Benitez, não é nenhum novidade para nós, pois é o que está escrito na resposta à pergunta de nº 1 do L. E.: "Deus é a inteligência suprema, causa primeira de todas as coisas.
Também está claro na resposta à pergunta de número 76, pois Deus é espírito, que os espíritos são os seres inteligentes da Criação.
Muitos confundem o conjunto dos espíritos ou a espiritualidade como se fosse o próprio Deus e por isso a grande confusão existente entre todas as religiões.
Na pergunta de nº 11 do L.E. temos uma resposta semelhante ao que está escrito em Mateus 5,48:
"Portanto, deveis ser perfeitos como o vosso Pai celeste é perfeito".
Existe aí a prova da necessidade de nossa evolução e também a meta da evolução de cada espírito encarnado ou desencarnado: A PERFEIÇÃO.
Podemos ver também, além das perguntas de nº 1 a 16 e 244 do L. E., a bem-aventurança:
"Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a DEUS" (Mateus 5,8), como o ensinamento no diálogo entre Jesus e a samaritana:
"Deus é espírito e aqueles que o adoram devem adorá-lo em espírito e verdade" (João 4,24).
Em 1985, eu ouvi de um espírito a seguinte frase sobre DEUS:
"Deus, antes de iniciar a criação, Ele planejou tudo, até nos mínimos detalhes, mas respeitou sempre a liberdade de todos os que seriam e serão ainda criados, até a liberdade daqueles que fariam projetos contra o projeto de Deus. No projeto de Deus todos serão, um dia, plenamente perfeitos, mesmo que para isso seja necessário trilhões e trilhões de anos".
Paz plena para todos... O irmão de evolução,
Rosário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário