quarta-feira, julho 20, 2005

Corrupção explícita!



Veja nesta foto um flagrante de corrupção: um dos "tesoureiros" do ENFRADES, Gilberto Garcia, (o outro "colega" que mete a mão no seu bolso é o Adeir) "pagando" um mensalão para um ex-seminarista corrupto que, por uma questão de honestidade e para não manchar o seu nome preferiu ficar no anonimato e não aparecer na foto. A secretaria do ENFRADES fica onde antigamente era a sacristia do Seminário e neste caso estão configurados dois crimes numa única foto: sacrilégio pela profanação de um lugar sagrado e flagrante de corrupção explícita a mais de 1.000 km de Brasília. Socorro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário